segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Sobre o post anterior e a demora em postar

No link da Revista do Brasil vocês puderam checar a matéria que fiz sobre a radiodifusão na Transamazônica. Como prometi, publico os "extras" da reportagem.
Sobre a demora nos posts, não tem sobrado muito tempo mesmo. Tenho que entregar a monografia da minha especialização até o dia 17 e há muito trabalho. Tenho lido as notícias na Rolling Stone. Diverti-me com a reportagem sobre o Metallica e uma expressão curiosa na resenha de Vladimir Cunha sobre a terceira edição do Se Rasgum "sem rock". Dizia sobre o rock paraense, "esse zumbi que se arrasta pelos subterrâneos da cidade", ou algo parecido. Achei engraçado porque parece a típica expressão de típicos jornalistas de rock, frases feitas sobre ídolos decadentes. Se não fosse o próprio "rock paraense" o "ídolo" em questão, já seria muito engraçado.
Não merece mais que isso por enquanto, mas a lista dos 100 maiores artistas brasileiros também é um doce a parte na revista. Peço desculpas a quem tenho cativado com a leitura desse blog e posso dizer, como os ídolos "decadentes" do Metallica, que enquanto ele não atrapalhar o convívio famliar e os trabalhos, ele é viável. Ainda que demore o próximo post.

3 comentários:

Bernie Walbenny disse...

é bom que esse "decadente" esteja mesmo entre aspas. hahahaha.

E sobre a matéria do Vlad? Bem, eu também achei graça. Não creio que tenha sido algo pra se levar a sério. hehehe.

Nicolau Amador disse...

não deveria ser, bernie. Mas também não pode passar impunemente na maior revista de entretenimento do País, você não acha?!

Anônimo disse...

Bom, eu sei que é difícil fazer rock em belém, mas a verdade dói. Fortaleza é uma cidade (escancaradamente) do forró e consegue produzir festivais de rock com bandas teoricamente grandes. Não seria culpa do público de belém, que é meio alienado a esse estilo de musica, ou das proprias bandas, que nao sao criativas, até mesmo bem ruins?? Sou obrigado a concordar com o vladimir em relação a isso.

Torço pro rock paraense deixar de ser esse zumbi, mas com essas novas bandas, tá f***.

abraços e parabéns pelo blog: Espaço democrático sem brechas pra baixaria.